Comércio vai ficar fechado até 13 de abril

Dando seguimento à campanha de prevenção para conter o avanço do novo Coronavírus em Campina Grande, o Procon Municipal em parceria com equipes da Secretaria de Saúde, Gerência de Vigilância Sanitária e da STTP, junto com a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros da Paraíba, iniciaram uma Força Tarefa para fiscalizar se os comerciantes estão cumprindo o decreto municipal nº 4.466, que determina o fechamento dos estabelecimentos comerciais da cidade no período de 23 de março a 13 de abril.

Segundo decisão do prefeito Romero Rodrigues, neste período os shoppings, comércio, bares, restaurantes, lanchonetes e galerias de Campina Grande deverão ficar fechados. A exceção fica para os serviços essenciais: supermercados e congêneres, postos de gasolina, farmácias e, devido às chuvas intensas que têm ocorrido nas últimas horas, o gestor municipal liberou o funcionamento de lojas de material de construção e oficinas mecânicas.

O coordenador do Procon Municipal, Rivaldo Rodrigues, explicou que a ação da Força Tarefa vai durar até que todos os comerciantes da cidade se conscientizem e fechem seus estabelecimentos.

“Se não tomarmos uma medida tão dura as pessoas vão continuar descumprindo as recomendações dos órgãos sanitários e se expondo de forma desnecessária a contrair o covid-19. E prejudicando toda a campanha de prevenção, o que acarretará em sobrecarga dos serviços de saúde e o prolongamento dessa situação tão difícil”, esclareceu Rivaldo Rodrigues.

Rodrigues ressaltou ainda que, além dos serviços essenciais, a exceção que o prefeito Romero concedeu foi para as oficinas mecânicas, necessárias à manutenção de carros e motos, e lojas de material de construção, pois neste período de chuvas muitas pessoas tiveram suas casas danificadas e precisam fazer os devidos reparos. “Então, com relação à Força Tarefa, reforçamos que a população denuncie no 190 e no 151 se virem estabelecimentos funcionando. Porque se você faz sua parte, mas o seu vizinho não o faz, todos pagam”, disse Rodrigues.

Mesmo sendo liberadas para funcionar, as oficinas mecânicas e as lojas de material de construção devem ficar abertas no horário de 9 às 14 horas.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Veja online a situação da Pandemia

^ Ir Para Topo ^