DestaquesNordeste

Desertificação preocupa a população

Os 82 representantes das cidades de Juazeirinho, Santo André e Tenório, que participaram da consulta pública realizada pelo Ministério Público da Paraíba (MPPB) nessa segunda-feira (5), apresentaram várias preocupações dos habitantes da região, como o processo de desertificação (que já atinge cerca de 30% da área de Juazeirinho), a ausência de mobilidade urbana, a situação precária dos idosos, a necessidade de um promotor de Justiça permanente na comarca e as falhas na segurança pública; mas o tema prioritário apontado foi a saúde pública.

Dos 15 temas colocados à disposição para que a sociedade local votasse em dez deles, a serem considerados prioritários pelo Ministério Público em seu planejamento estratégico, os participantes apontaram, além da saúde pública, o combate à improbidade administrativa, a violência doméstica e familiar contra a mulher, o combate aos crimes contra a administração pública – licitatórios, a proteção de crianças e adolescentes, a defesa da educação pública, o saneamento básico, a segurança hídrica, o controle externo da atividade policial e as investigações inconclusas de crimes dolosos contra a vida.

O evento contou com a participação de vereadores, secretários municipais, conselheiros tutelares, professores, agentes da área da saúde, representantes das Polícias Militar e Civil, sindicalistas e associações da sociedade civil de Tenório, Juazeirinho e Santo André; e foi realizado no Auditório Municipal Oldílio Batista de Lima (Bola Sete), instalado na Escola Municipal Severino Marinheiro, em Juazeirinho. A consulta pública, a décima do Planejamento Estratégico 2017 do MPPB, foi presidida pelo procurador-geral de Justiça, Bertrand de Araújo Asfora, e coordenada pelo promotor de Justiça Clístenes Bezerra de Holanda, secretário de Planejamento e Gestão (Seplag).

Nas consultas, a Seplag convida os representantes de órgãos e entidades representativas das sociedades locais, que decidem quais os temas são prioritários para as suas regiões e que gostariam vê-los no Planejamento Estratégico do MPPB em 2017.

Temas escolhidos em Juazeirinho (em ordem de votação)
1º) Saúde pública
2º) Combate à improbidade administrativa
3º) Violência doméstica e familiar contra a mulher
4º) Combate aos crimes contra a administração pública – licitatórios
5º) Proteção de crianças e adolescentes
6º) Defesa da educação pública
7º) Saneamento básico
8º) Segurança hídrica
9º) Controle externo da atividade policial
10º) Investigações inconclusas de crimes dolosos contra a vida

Temas escolhidos em Pombal (em ordem de votação)
1º) Proteção de crianças e adolescentes
2º) Combate à improbidade administrativa
3º) Segurança hídrica
4º) Saúde pública
5º) Defesa da educação pública
6º) Violência doméstica e familiar contra a mulher
7º) Educação inclusiva
8º) Combate aos crimes contra a administração pública – licitatórios
9º) Saneamento básico
10º) Investigações inconclusas de crimes dolosos contra a vida

Temas escolhidos em Princesa Isabel (em ordem de votação)
1º) Combate à improbidade administrativa
2º) Saúde pública
3º) Proteção de crianças e adolescentes
4º) Violência doméstica e familiar contra a mulher
5º) Segurança hídrica
6º) Defesa da educação pública
7º) Combate aos crimes contra a administração pública – licitatórios
8º) Saneamento básico
9º) Investigações inconclusas de crimes dolosos contra a vida
10º) Educação inclusiva

Temas escolhidos em Patos (em ordem de votação)
1º) Saúde pública
2º) Combate à improbidade administrativa
3º) Defesa da educação pública
4º) Segurança hídrica
5º) Proteção de crianças e adolescentes
6º) Combate aos crimes contra a administração pública – licitatórios
7º) Saneamento básico
8º) Violência doméstica e familiar contra a mulher
9º) Educação inclusiva
10º) Investigações inconclusas de crimes dolosos contra a vida

Temas escolhidos em Catolé do Rocha (em ordem de votação)
1º) Proteção de crianças e adolescentes
2º) Violência doméstica e familiar contra a mulher
3º) Saúde pública
4º) Segurança hídrica
5º) Combate à improbidade administrativa
6º) Defesa da educação pública
7º) Investigações inconclusas de crimes dolosos contra a vida
8º) Sistema prisional
9º) Educação inclusiva
10º) Controle externo da atividade policial

Temas escolhidos em Cajazeiras (em ordem de votação)
1º) Saúde pública
2º) Segurança hídrica
3º) Violência doméstica e familiar contra a mulher
4º) Proteção de crianças e adolescentes
5º) Combate à improbidade administrativa
6º) População em situação de rua
7º) Defesa da educação pública
8º) Educação inclusiva
9º) Investigações inconclusas de crimes dolosos contra a vida
10º) Saneamento básico

Temas escolhidos em Aroeiras (em ordem de votação)
1º) Combate à improbidade administrativa
2º) Saúde pública
3º) Investigações inconclusas de crimes dolosos contra a vida
4º) Violência doméstica e familiar contra a mulher
5º) Proteção de crianças e adolescentes
6º) Defesa da educação pública
7º) Combate aos crimes contra a administração pública – licitatórios
8º) Educação inclusiva
9º) Segurança hídrica
10º) Saneamento básico

Temas escolhidos em Monteiro (em ordem de votação)
1º) Proteção de crianças e adolescentes
2º) Saúde pública
3º) Violência doméstica e familiar contra a mulher
4º) Defesa da educação pública
5º) Segurança hídrica
6º) Educação inclusiva
7º) Combate à improbidade administrativa
8º) Saneamento básico
9º) Combate aos crimes contra a administração pública – licitatórios
10º) Controle externo da atividade policial

Temas escolhidos em Mamanguape (em ordem de votação)
1º) Saúde pública
2º) Combate à improbidade administrativa
3º) Violência doméstica e familiar contra a mulher
4º) Proteção de crianças e adolescentes
5º) Defesa da educação pública
6º) Saneamento básico
7º) Educação inclusiva
8º) Resíduos sólidos
9º) Combate aos crimes contra a administração pública – licitatórios
10º) Sistema Prisional

Temas escolhidos em Itabaiana (em ordem de votação)
1º) Segurança hídrica
2º) Saúde pública
3º) Combate à improbidade administrativa
4º) Proteção de crianças e adolescentes
5º) Defesa da educação pública
6º) Saneamento básico
7º) Violência doméstica e familiar contra a mulher
8º) Combate aos crimes contra a administração pública – licitatórios
9º) Investigações inconclusas de crimes dolosos contra a vida
10º) Resíduos sólidos

Print Friendly, PDF & Email

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios