DestaquesTransposição

Helder: “Nossa expectativa é de que possamos entregar a água”

O senador Cássio Cunha Lima (PSDB-PB) manteve conversa por telefone com o ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho e foi informado por ele que as obras do Eixo Leste da Transposição estarão totalmente concluídas no final de fevereiro e que as obras complementares, que estão sob responsabilidade do DNOCS também.

O senador Cássio Cunha Lima (PSDB-PB) manteve na manhã desta quinta, 19, conversa por telefone com o ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho e foi informado por ele que as obras do Eixo Leste da Transposição estarão totalmente concluídas no final de fevereiro e que as obras complementares, que estão sob responsabilidade do DNOCS também estarão concluídas dentro do prazo.

“O ministro Helder e toda a sua equipe merecem todo o reconhecimento dos paraibanos por sua competência no comando das obras da transposição”, reconheceu o senador Cássio ao destacar que desde que assumiu o comando da Pasta, ele tem sido “diligente e ciente da sua responsabilidade com toda a população paraibana, ansiosa pela chegada da água”.

Durante a conversa, o ministro informou ao senador está sendo construído um canal com 500 metros de extensão para desviar a água do São Francisco e impedir que esta seja contaminada pelo esgoto de Monteiro que é jogado no rio Paraíba.

O ministro disse durante visita à Monteiro que o Governo Federal está atuando em parceria para garantir que o esgotamento sanitário seja tratado e feito da forma adequada. A Fundação Nacional de Saúde (Funasa) e a prefeitura de Monteiro (PB) estão executando as obras de esgotamento sanitário. “Nossa expectativa é de que possamos até o último dia de fevereiro entregar água do rio São Francisco, em Monteiro e a partir daí pegar o curso do Rio Paraíba e assegurar tranquilidade à população”, reforçou o ministro.

Print Friendly, PDF & Email

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios