DestaquesPolítica

Ivonete: “Por que o judiciário e o executivo têm o 13° e o legislativo não tem?”

A nova presidente da Câmara Municipal de Campina Grande, vereadora Ivonete Ludgério (PSD), afirmou ser a favor do reajuste salarial dos parlamentares e a implementação do 13°.

Ela destacou que os vereadores vivem de duodécimos e o importante é que o reajuste não se ultrapasse a lei de responsabilidade fiscal. Sobre a questão do 13° salário, a parlamentar explicou que primeiro vai consultar a lei.

– A questão do 13° nós vamos avaliar, porque a Câmara não vai pagar esse 13° sem saber da legalidade desse ato. Mas, aí eu pergunto: Por que o judiciário e o executivo têm o 13° e o legislativo não tem? É uma questão que vamos amadurecer e vamos ao Tribunal de Contas para que ele nos dê um parecer. Não vamos fazer nada na ilegalidade – explanou.

Ivonete ressaltou que os vereadores não podem ser taxados como pessoas que não trabalham, como muitos imaginam.

– Querem comparar nosso salário com salários de prefeitos, governadores, senadores. Prefeitos, governadores, senadores tem uma estrutura que nós não temos. Não temos direito a combustível, nem alimentação, nem a auxílio moradia, nós temos apenas o salário que, muitas vezes, dividimos com outras pessoas, pois, precisamos de auxílio para trabalhar. Não adianta comparar, pois são estruturas diferentes. Até com os vereadores de João Pessoa não dá para comparar, pois é outra estrutura e eles recebem o 13° salário. Eu nunca neguei que se fosse aprovado o aumento eu aceitaria e, como presidente, colocaria em prática. Sobre o 13°, eu também nunca neguei que não farei se fizer uma consulta ao Tribunal de Contas, para tenhamos na mão um documento. Se for sim é sim, se for não é não – expôs.
Paraibaonline

Print Friendly, PDF & Email

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios