Destaques

Luciano e parlamentares pessoenses são diplomados

Os 27 vereadores eleitos para a próxima legislatura (2017-2020) da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) foram diplomados, na tarde desta quinta-feira (15), pelo Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB). A solenidade ocorreu no auditório do Centro de Convenções Cidade Viva, no bairro do Aeroclube, onde também houve a diplomação do prefeito e do vice-prefeito eleitos, respectivamente, Luciano Cartaxo (PSD) e Manoel Júnior (PMDB), além dos suplentes de vereadores da Capital paraibana.

A cerimônia de diplomação atesta que os eleitos não possuem nenhum impedimento para serem empossados no dia 1º de janeiro de 2017. É o ato pelo qual a Justiça Eleitoral confirma que o candidato foi efetivamente eleito pelo povo e está apto a tomar posse no cargo.

Após a diplomação dos suplentes, os novos vereadores titulares foram chamados por ordem alfabética, de acordo com o nome de registro. Bruno Farias (PPS) foi o primeiro dos 27 a serem diplomados e foi seguido por Tibério Limeira (PSB); Damásio Franca (PP); Durval Ferreira (PP); Eduardo Carneiro (PRTB); Eliza Virgínia (PSDB); Fernando Milanez Neto (PTB); Chico do Sindicato (PT do B); Helton Renê (PC do B); Humberto Pontes (PT do B); João Almeida (SD); Bosquinho (PSC); João Corujinha (PSDC); João dos Santos (PR); Bispo José Luiz (PRB); Léo Bezerra (PSB); Lucas de Brito (PSL); Luís Flávio (PSDB); Marcos Henriques (PT); Marcos Vinícius (PSDB); Sandra Marrocos (PSB); Pedro Coutinho (PHS); Raíssa Lacerda (PSD); Mangueira (PMDB); Tanilson Soares (PSB); Thiago Lucena (PMN); e Dinho (PMN). Os últimos a serem diplomados foram o prefeito Luciano Cartaxo e seu vice, Manoel Júnior.

A mesa da cerimônia foi presidida pelo juiz Josivaldo Félix de Oliveira, presidente da 64ª Zona Apuradora Eleitoral; e composta pelo juiz Breno Wanderley César Segundo, membro e diretor da Escola Judiciária Eleitoral da Paraíba (EJE-PB); pelo deputado federal Rômulo Gouveia (PSD); pelo presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Paraíba (OAB-PB), Paulo Maia da Silva; pelo prefeito reeleito Luciano Cartaxo; pelo presidente da CMJP, o vereador reeleito Durval Ferreira; pela promotora eleitoral da 76º Zona Eleitoral, Sônia Maria de Paula Maia; e pelo chefe de cartório da 64ª Zona Eleitoral, Marcos Aurélio de Alcântara Samuel.

Em seu discurso inicial, o juiz Josivaldo Félix de Oliveira parabenizou os eleitos e agradeceu a todos os candidatos ao último pleito municipal, por responderem aos chamados do TRE-PB e por cumprirem suas determinações.

Ele também lembrou a responsabilidade que os novos representantes dos cidadãos pessoenses têm em suas mãos. “Pela confiança conferida pela população, todos devem corresponder com muito trabalho e afinco. Percebemos como também é um desafio tentar fazer as pessoas, cada vez mais desiludidas com a política, conscientizarem-se sobre a importância do voto para transformar a realidade e sobre a necessidade de acompanhar os mandatos daqueles que foram conduzidos”, destacou.

Em seguida, o presidente Durval Ferreira, representando o Parlamento Municipal, acentuou que a CMJP passará a ser, para os 27 vereadores eleitos, uma segunda casa a partir da qual, enquanto parlamentares, lutarão pelo desenvolvimento da Capital e o bem-estar de mais de 700 mil cidadãos. “Lá, os senhores vão descobrir uma João Pessoa diferente daquela que costumam enxergar. É no Parlamento onde verdadeiramente se descobre a amplitude de legislar em favor do povo. Convido todas e todos os presentes a realizarem o melhor mandato de suas vidas”, conclamou.

Na ocasião, o chefe do Legislativo pessoense fez questão de reforçar o convite aos diplomados para que possam construir uma João Pessoa para todos. “Porque esse é um projeto que ultrapassa as barreiras partidárias, vai além dos conceitos de oposição e situação. É um projeto construído a várias mãos, com todas as forças que pudermos aplicar”, acrescentou Durval Ferreira.

Já o prefeito Luciano Cartaxo enfatizou, em seu discurso, que os agraciados com a diplomação fazem parte da história de João Pessoa e têm deveres assumidos com o povo. “Temos compromissos e devemos trabalhar para cumprir todos eles, pois o interesse público deve estar sempre acima dos partidários e particulares. A vontade e a generosidade do povo de João Pessoa nos trouxeram até aqui, em uma luta pelas expectativas da cidade. Eu me sinto animado, mais experiente e confiante de que o melhor ainda está por vir: um futuro que vamos construir juntos”, afirmou o chefe do Executivo pessoense.

Print Friendly, PDF & Email

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios