Centrais sindicais e movimentos sociais vão parar em ato contra Temer

0

Centrais Sindicais, movimentos sociais, trabalhadores do setor público e privado e até membros do Tribunal Regional do Trabalho da Paraíba (TRT-13ª Região) pretendem organizar no próximo dia 28 de abril (sexta-feira) um protesto nacional que deve reunir milhares de trabalhadores paraibanos em João Pessoa. Pelo menos é isso que espera o vereador petista da capital Marcos Henriques, um dos organizadores do Dia Nacional de Mobilização contra as reformas da Previdência, Trabalhista e a Terceirização.

Segundo ele, os bancários participarão da manifestação que ocorrerá no Centro de João Pessoa.

De acordo com o parlamentar, a categoria fará uma paralisação geral no dia 28 de abril, quando está marcada uma greve no país, incluindo também outros segmentos profissionais.

“No dia 28, vamos ter uma grande manifestação no Brasil. O país vai parar, não vai funcionar nada, o povo vai estar na rua lutando contra essas medidas de retirada de direitos e pedindo a esse Governo que retire esses projetos da reforma trabalhista, previdenciária e a terceirização. Então de uma maneira bem clara o povo brasileiro vai dar uma resposta no dia 28 se manifestando e ninguém vai perder seus direitos conquistados a décadas por um governo golpista”, disse Marcos Henriques.

Ainda de acordo com o petista todos colocarão as vaidades de lado e pela primeira vez na história as Centrais Sindicais, sindicatos e trabalhadores estarão reunidos em um mesmo ato.
PB Agora

Deixe uma resposta

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

^ ^^ ^