Saúde

ALPB debate formas de apoio ao Hospital Napoleão Laureano

A Comissão de Saúde, Saneamento, Assistência Social, Segurança Alimentar e Nutricional da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) se reuniu com representantes do para debater formas de apoios e ações para a manutenção do Hospital Napoleão Laureano, em João Pessoa, em razão das dificuldades financeiras enfrentadas pela instituição, que é referência no tratamento do câncer no estado.
 
“A grande problemática do câncer tem acontecido na Paraíba e no mundo. O Hospital Laureano tem tido muita dificuldade no tratamento por causa do alto custo. A reunião foi para aproximar a ALPB em um amplo debate com a instituição para podermos oferecer o suporte necessário e melhorar a estrutura financeira e o tratamento para a população paraibana”, disse o presidente da Comissão de Saúde da ALPB, o deputado Taciano Diniz.
 
A deputada Pollyanna Dutra destacou que a instituição é de extrema importância para a Paraíba e precisa de atenção especial. “Nós viemos com a Comissão de Saúde para discutir a problemática do câncer, que na pandemia foi uma doença negligenciada, pois os hospitais tiveram que dar prioridade aos pacientes da covid-19, e a linha de cuidado com o câncer foi interrompido. Percebemos que muitos pacientes que deixaram o tratamento terminaram ficando em estados mais graves, com tumores maiores, entre outras coisas”, observou.
 
Thiago Lins de Almeida, Diretor Geral do Hospital Napoleão Laureano, disse que o apoio dos deputados é importante e afirmou que a iniciativa do Parlamento pode incentivar para que a instituição receba mais ajuda.
 
“A Assembleia Legislativa já é parceira do hospital e nada mais valioso do que termos aqui a presença dos deputados membros da Comissão de Saúde da Casa para avaliar a nossa realidade, as nossas dificuldades e realizações. Isso garante que esse nossa parceria seja permanente e traga frutos e benefícios para toda a população paraibana”, destacou.

Print Friendly, PDF & Email

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *