Destaques

Cajazeiras sedia primeira audiência pública da Ouvidoria do MP

Os promotores de Justiça de Cajazeiras, Alexandre José Irineu (coordenador), Lean Matheus de Xerez, Sarah Araújo Viana e Pedro Henrique de Freitas Andrade, participaram da audiência pública realizada pela Ouvidoria do Ministério Público da Paraíba (MPPB). Sob a coordenação do ouvidor Doriel Veloso Gouveia, o evento foi realizado no auditório da Promotoria de Justiça de Cajazeiras.

A audiência em Cajazeiras (município do Sertão paraibano, com 62 mil habitantes e distante a 462 quilômetros da capital, João Pessoa) foi a primeira de uma série de onze audiências públicas programadas pela Ouvidoria, com a participação de autoridades e de representantes das sociedades locais (autoridades administrativas, judiciárias, legislativas, religiosas, imprensa e clubes de serviços).

O objetivo dos encontros é o de ouvir da sociedade as sugestões e reclamações direcionadas à atuação do Ministério Público paraibano. “O objetivo maior é responder às demandas da sociedade e proporcionar uma melhor atuação do Ministério Público no atendimento às necessidades da população”, repetiu o ouvidor do MPPB, procurador de Justiça Doriel Veloso Gouveia.

“Nosso interesse é oportunizar aos cidadãos os canais de comunicação para opiniões, críticas e sugestões e lamento a ausência, aqui em Cajazeiras, das autoridades e dos demais segmentos da sociedade convidados”, lamentou o ouvidor pelo baixo comparecimento de pessoas à audiência. “Mas estamos aqui cumprindo o nosso papel”. E o promotor Lean Xerez complementou: “É sempre importante a presença da Ouvidoria nas cidades do interior do estado. É um canal de interlocução para os problemas da sociedade””.

As audiências têm duas horas de duração, estimando-se um tempo limite de até dez minutos para cada autoridade que pretender abordar qualquer assunto, como assim o prazo limite de até três minutos para o cidadão que pretender se manifestar. As audiências públicas obedecem a um calendário para cada ano de exercício, o qual deve ser publicado no Diário Oficial Eletrônico do Ministério Público. Até 15 dias antes de cada audiência será publicado edital dando conhecimento do seu lugar de ocorrência, o dia e a hora de início, para atrair a população ao evento.

Próximas audiências
# Picuí – fevereiro 2017
# Monteiro – abril 2017
# Santa Rita – junho 2017
# Itaporanga – agosto 2017
# Mamanguape – outubro 2017
# Princesa Isabel – outubro 2017
# Esperança – dezembro 2017
# Pedras de Fogo – fevereiro de 2018
# Guarabira – abril 2018
# Santa Luzia – junho 2018

Print Friendly, PDF & Email

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios