DestaquesTransposição

Campina agradece os esforços pela conclusão da Transposição

O dia 10 de março de 2017 vai ficar registrado na história como a data de início de mais um ciclo de desenvolvimento para Campina Grande. Nesta sexta-feira, em uma solenidade bastante prestigiada por líderes comunitários e diversas autoridades locais, o prefeito Romero Rodrigues recebeu o presidente da República, Michel Temer, para apresentar o Complexo Aluízio Campos e agradecer aos esforços do governo federal pela chegada das águas da transposição do São Francisco ao Estado.

A solenidade também marcou a assinatura, por parte do presidente, da ordem de serviço para a triplicação da BR-230, trecho de 26,6 km de Cabedelo até as imediações do viaduto do Oitizeiro, em João Pessoa.

O prefeito e o vice-prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo e Manoel Júnior, respectivamente, prestigiaram o evento.

Foi também anunciado pelo presidente a duplicação da parte da mesma rodovia que liga Campina Grande à Comunidade Farinha (Praça do Meio do Mundo).
Na companhia do vice-prefeito Enivaldo Ribeiro, Romero aproveitou a oportunidade para entregar ao presidente Michel Temer e ao ministro da Integração Nacional, Hélder Barbalho, duas importantes honrarias: a Medalha de Honra ao Mérito Municipal e o Título de Cidadão Campinense, proposituras do vereador Márcio Melo Rodrigues (foto) aprovadas pela Câmara de Campina Grande, representada na solenidade pela presidente Ivonete Ludgério.

Além de Cássio, os senadores Raimundo Lira e José Maranhão prestigiaram a solenidade. Os deputados federais paraibanos Aguinaldo Ribeiro, Pedro Cunha Lima, Rômulo Gouveia, Hugo Motta, Benjamin Maranhão e Efraim Filho também estiveram presentes, além do ex-senador Cícero Lucena e do suplente Deca.

Os deputados estaduais Bruno Cunha Lima, Tovar Correia Lima, Daniella Ribeiro, Renato Gadelha, Guilherme Almeida e Manoel Ludgério (licenciado e secretário chefe de Gabinete da Prefeitura de Campina Grande) marcaram presença, além de inúmeros prefeitos, vice-prefeitos, vereadores e lideranças de todo o Estado.

“O povo campinense, com grande emoção, comemora hoje grandes e históricas conquistas, principalmente a chegada das águas da transposição do Rio São Francisco. É uma obra sonhada desde o Império. E, obviamente, deve-se reconhecer a importância dos presidentes Fernando Henrique Cardoso e Lula, que iniciou a obra, e da presidente Dilma, em que pese a letargia do prosseguimento nesse último período. Sabemos que a obra pública não tem paternidade, mas é nosso deve reconhecer a agradecer ao empenho do governo Michel Temer, que não mediu esforços para acelerar o andamento e concluir essa etapa da transposição”, registrou Romero Rodrigues.

Mais adiante em seu discurso, o prefeito de Campina Grande ressaltou a importância da duplicação da BR-230, no trecho que liga a cidade até a Praça do Meio do Mundo, e lembrou que outra necessidade da região é a igual adequação da BR-104, que interliga o município a Pernambuco.
Após as falas do senador Cássio Cunha Lima, vice-presidente do Senado, e dos ministros Bruno Araújo (Cidades), Hélder Barbalho (Integração Nacional) e Maurício Quintella (Transportes), o presidente Michel Temer discursou para encerrar a solenidade.

Ele se disse emocionado com a receptividade do povo paraibano e elogiou o prefeito Romero Rodrigues pela postura à frente da gestão municipal. “É com uma satisfação enorme, prefeito, que estamos aqui para inaugurar e anunciar obras, ao tempo em que recebemos as suas reivindicações. Conhecemos um bom prefeito quando ele não apenas agradece, mas, além disso, pleiteia novas obras. E é assim que tem que ser”, pontuou.

Sobre a transposição, para Michel Temer, a paternidade da obra só pode ser concedida ao contribuinte brasileiro.

“Não quero a paternidade dessa obra. Ninguém pode tê-la. Ela é do povo brasileiro e nordestino, porque foram vocês, que pagaram os impostos, que permitiram fazer essa obra”, disse o presidente, durante a visita ao Complexo Aluízio Campos.

Tão logo foi encerrada a solenidade, a comitiva presidencial seguiu para municípios de Sertânia e de Monteiro, na divisa entre Pernambuco e a Paraíba.
PMCG

Print Friendly, PDF & Email

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios