HOME_______________________________________________

CMJP aprova pontos de coleta seletiva em supermercados de JP

A Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) aprovou, durante votação remota 17 matérias legislativas. Dentre elas, a instalação de contêineres para a coleta de material reciclável em supermercados da Capital; a proibição da queima e soltura de artifício de efeito sonoro em eventos realizados pela Prefeitura; e o remanejamento do Executivo Municipal, no valor de R$ 717.000,00.

Foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) 1709/2019, de autoria do vereador Lucas de Brito (PV), que tem como objetivo facilitar o descarte e a coleta seletiva para cidadãos e cooperativas de reciclagem da Capital. Para isso, a medida prevê a instalação de contêineres destinados ao recebimento de material reciclável nos supermercados de João Pessoa. 

“Não é possível que, em pleno século 21, ainda realizemos coleta como no século passado. Precisamos transformar o lixo em dinheiro na capital paraibana e servir de exemplo para outros municípios. São projetos como esse que incentivam a criação da cultura de coleta seletiva nas cidades”, defendeu o autor da proposta, enfatizando que supermercados, por serem serviços essenciais, são excelentes locais de orientação do povo nesse processo.

A norma fixa que deve haver depósitos acessíveis para, no mínimo, quatro tipos de material, sinalizados por cores para o recebimento de metal, papel, vidro e plástico, com informativo sobre a correta utilização do espaço.

“Colocar esses contêineres em supermercados seria fantástico, não só para o meio ambiente, mas para a geração de renda a catadores e catadoras de material reciclável”, ressaltou Sandra Marrocos (PT), considerando a medida como importante na recuperação da economia do processo de pós-pandemia.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Veja online a situação da Pandemia

^ Ir Para Topo ^