ManchetesPolicial

“Governador tenta criar ilusão da verdade para justificar violência”

“O governador Ricardo Coutinho, em seu longo discurso de despedida do governo em sessão da Assembleia Legislativa, na manhã desta quinta-feira, usou um argumento para justificar a violência no Estado que não se sustenta.

O argumento foi a velha desculpa de muitos governadores de que a violência é epidêmica e uma questão nacional, praticamente escondendo a responsabilidade constitucional dos Estados.

Com discurso sinuoso, o governador da Paraíba recheou a desculpa por não conseguir controlar a violência alegando ter havido uma migração do crime do Sul e Sudeste para o Nordeste.

Os números usados pelo governador dão até a impressão de verdade, mas, na realidade, é uma ilusão de verdade ou falsa verdade, recurso usual no discurso de Ricardo.

Pelos números, lá atrás, o Sul e o Sudeste respondiam por mais de 50% dos homicídios enquanto o Nordeste concentrava pouco mais de 20%. Hoje ocorreria o inverso.

Bom, mas por que houve a migração da violência? Não dá para defender, como já foi sugerido, que o crime se deslocou para o Nordeste porque, com o Bolsa Família, os nordestinos passaram a ter condições de comprar drogas.

O que o governador da Paraíba não considera – e neste ponto ele planta a falsa verdade – é que a migração do crime para o Nordeste pode ter ocorrido por causa de uma mais eficiente ação dos Estados do Sul e Sudeste no combate à violência e, no contraponto, em razão da ineficiente e fraca atuação dos governos dos Estados do Nordeste.

Ou será que a taxa de homicídios de São Paulo caiu 44,3% (de 21,9 para 12,2)de 2005 para 2017 por obra do acaso? Ou será que a taxa de homicídios do Espírito Santo caiu 21,5% porque os bandidos decidiram ser bonzinhos com os irmãos locais e espontaneamente decidiram aplicar toda maldade no Nordeste?

Depois de 2010, o Paraná reduziu a taxa de homicídios em 23,4% e, no Nordeste, a taxa de assassinatos em Alagoas caiu 21,8% e 20% em Pernambuco.
Esses números, além de comprovarem que o combate à violência pode ser feito pelos Estados e que depende muito mais da competência dos governos estaduais do que do governo federal, desmente outro ponto do discurso do governador Ricardo Coutinho, que é o de que a Paraíba foi o Estado que conseguiu a maior redução na violência. A queda aqui foi apenas vegetativa.

A verdade na Paraíba é a que está nas ruas e nas cidades assaltadas e não nas palavras do enganoso discurso do governador.”

Por: http://blogdoandersonsoares.com.br/2018/02/16/opiniao-governador-tenta-criar-ilusao-da-verdade-para-justificar-violencia-na-pb/

Print Friendly, PDF & Email

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios