DestaquesGoverno

Hermano diz que aumentaram pedidos para aposentadorias no Ipsem

O número de pedidos de aposentadorias dos servidores da Prefeitura Municipal de Campina Grande (PMCG), no Instituto de Previdência Social dos Servidores Públicos Municipais (Ipsem), aumentou quase cinco vezes. Quem revelou foi o presidente do Instituto, Antônio Hermano.
Ele disse que a demanda dos pedidos está crescendo devido a possível reforma na Previdência Social proposta pelo governo Federal.

– Com essa perspectiva de mudança no sistema previdenciário, o pessoal que tem os requisitos necessários busca a aposentadoria. Dificulta os institutos, os mais antigos essencialmente, mas chega um momento que estanca porque não tem mais ninguém para se aposentar e nossa massa envelhece. Tem um pessoal que busca suas aposentadorias, muito deles não queriam, mas tem medo da reforma previdenciária– disse.

Hermano revelou que o impacto na folha do Ipsem foi de R$300 mil e tem gerado preocupação.

– O povo deixa de contribuir e passa a receber salário. Para os institutos gera dificuldades porque aumenta as despesas e reduz as receitas. As receitas decorrem da contribuição dos servidores e parte patronal. É um direito que assiste e temos que fazer isso –falou.

Hermano afirma que a reforma é necessária e inadiável porque o sistema poderá não suportar, devido aos custos altíssimos.

– O político responsável tem que promover reforma para poder amoldar a atual situação porque a expectativa de vida aumentou no Nordeste, a taxa de natalidade e mortalidade diminuiu. São fatores determinantes que ensejam a reforma previdenciária, uma mudança de curso, se não fica inviável os sistemas previdenciários – concluiu.
As informações foram veiculadas na Rádio Campina FM
Paraibaonline

Print Friendly, PDF & Email

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios