Transposição

MDR contrata Consórcio para gerenciamento da operação do São Francisco

Brasília-DF, 30/4/2020 – O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) oficializou a contratação do novo grupo que executará serviços de gerenciamento técnico e administrativo para apoiar a Pasta na coordenação da implantação e operação do Projeto de Integração do Rio São Francisco (PISF). O contrato com o Consórcio Gerenciador do PISF, formado pelas empresas Ecoplan Engenharia Ltda. e pela Skill Engenharia Ltda., prevê até R$ 26 milhões para a prestação dos trabalhos nos Eixos Leste e Norte. O processo, realizado por meio de Regime Diferenciado de Contratação (RDC-Eletrônico), foi necessário para substituir o contrato anterior de prestação dos serviços, que está se encerrando.

Sob coordenação da Secretaria Nacional de Segurança Hídrica (SNSH-MDR), o Consórcio será responsável por dar continuidade à interface entre os demais contratados, tanto para a execução das obras e serviços quanto para fornecimentos necessários à conclusão dos Eixos Norte e Leste. Além de prestar suporte técnico na análise de soluções para o Projeto.

Entre as responsabilidades das empresas estão também o acompanhamento e controle físico e financeiro da execução das obras civis, elétricas e mecânicas; do fornecimento, aquisição e montagem de equipamentos; e apoio aos estudos para implantação de ações de sustentabilidade operacional no sistema do Projeto São Francisco.

O Consórcio apoiará o Ministério, ainda, em ações contínuas como planejamento das ações, medição de resultados, melhorias dos processos; preparação e consolidação de informações gerenciais; acompanhamento do cumprimento de contratos; apoio ao processo de transferência do empreendimento às entidades operadoras do sistema; gerenciamento dos licenciamentos necessários para a operação do empreendimento; apoio administrativo na digitalização, organização e armazenamento de documentos; entre outras atividades.

Investimentos em 2020

O empreendimento hídrico contemplado com o maior volume de recursos federais em 2020 foi, até o momento, o Projeto de Integração do Rio São Francisco.

Até abril, foram empenhados R$ 271,5 milhões e pagos R$ 184 milhões para a conclusão das obras dos eixos Norte e Leste, continuidade das ações ambientais, recuperação e modernização dos reservatórios estratégicos que receberão água do rio São Francisco, bem como para a operação e manutenção das estações de bombeamento e demais estruturas ao longo dos seus 477 quilômetros de extensão.

Print Friendly, PDF & Email

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios