Brasil

Parlamentar é contra reajuste das passagens de ônibus

O vereador Junio Leandro (PDT) usou seu pronunciamento na sessão ordinária da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), para se posicionar contra um possível reajuste na tarifa do transporte coletivo urbano da Capital. Segundo o parlamentar, o serviço é precário e não justifica o reajuste tarifário.

O parlamentar citou a reunião do Conselho Municipal de Mobilidade Urbana (CMMU) prevista para esta sexta-feira (25), na qual uma das pautas do encontro é o reajuste do valor das passagens de ônibus de João Pessoa. “Quero antecipar meu posicionamento contrário em qualquer matéria que venha para esta Casa no sentido de reajustar as tarifas”, adiantou o parlamentar.

Junio Leandro justificou seu posicionamento contrário relatando a precariedade do serviço. “O setor teve uma isenção de impostos que, como contrapartida, previa até ar-condicionado nos ônibus, mas o que vemos são veículos com a lotação acima do regulamentado, frota reduzida, pessoas que ficam horas nas paradas esperando. Além disso, o motorista é obrigado a exercer a função do cobrador, ele é obrigado a dirigir e passar troco”, relatou o vereador, enfatizando que a dupla função põe em risco a vida das pessoas.

O parlamentar denunciou ainda a falta de ônibus com acessibilidade. “A maioria dos ônibus acessíveis não funcionam”, afirmou o vereador.

“João Pessoa não é metrópole, não é cidade grande. O valor cobrado hoje é mais do que o suficiente, haja vista a redução de trabalhadores, isenção de impostos e frota reduzida. O nosso mandato se antecipa à reunião de amanhã dizendo não a qualquer tipo de reajuste de passagem. Há a isenção de impostos a empresários, mas não há isenção de IPTU a quem não tem a sua rua calçada ou de quem está passando aperto na pandemia”, declarou o vereador.
cmjp

Print Friendly, PDF & Email

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios