Policial

PF deflagra Operação Colheita II para combater crimes eleitorais

Palmas/TO – A Polícia Federal deflagrou a Operação Colheita II, visando combater crimes eleitorais cometidos mediante transferência de títulos eleitorais, com a utilização de documentos falsos, no Tocantins.

Aproximadamente 30 policiais federais cumprem seis mandados judiciais de busca e apreensão, expedidos pelo Juízo da 13ª Zona Eleitoral de Cristalândia- TO.

Segundo a investigação, que teve início em julho de 2018, a organização criminosa atuava na falsificação de documentos que eram usados como comprovantes de endereços, perante a Justiça Eleitoral, para a transferência fraudulenta de títulos eleitorais.

Os envolvidos responderão, na medida de suas participações, pelos crimes eleitorais e associação criminosa tipificados nos artigos 290, 299, 348 e/ou 353 do Código Eleitoral e artigo 288 do Código Penal.
Polícia Federal

Print Friendly, PDF & Email

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios