Saúde

Saúde realiza mutirão de detecção de hanseníase

Para diagnosticar e iniciar o tratamento de mais pessoas com hanseníase, a Secretaria de Saúde de Campina Grande, em parceria com um programa do Ministério da Saúde, está realizando nesta semana um mutirão de detecção da doença. Os Agentes Comunitários de Saúde e profissionais da Atenção Básica passaram por treinamento sobre a hanseníase.

Os profissionais escolheram locais estratégicos para realizar a ação. Na terça, as consultas com médicos especialistas serão nos bairros da Ramadinha e do Rocha Cavalcante. Na quarta, o serviço vai ser disponibilizado no Centro de Referência em Diagnóstico e Tratamento da Hanseníase, no bairro da Prata. E na quinta-feira, 24, os bairros escolhidos foram Catolé e Monte Castelo.

As pessoas que têm manchas dormentes nas cores brancas, avermelhadas ou marrons pelo corpo, com presença ou não de caroços, devem procurar os serviços de saúde. As pessoas que convivem com quem tem hanseníase também precisam realizar exames. “A hanseníase tem tratamento e tem cura e quanto mais cedo iniciar o tratamento, mais rapidamente vem a cura”, explicou a fisioterapeuta e assessora técnica do Ministério da Saúde no projeto, Geisa Campos.

Independentemente do mutirão, as pessoas também podem procurar as Unidades Básicas de Saúde, em qualquer época, caso apresentem sinais de hanseníase. Elas são encaminhadas para dermatologistas ou para o serviço de referência no diagnóstico e tratamento da doença.

Print Friendly, PDF & Email

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios