Deputado cobra ações no combate aos efeitos da seca

O deputado Janduhy Carneiro (PTN), cobrou no plenário da Assembleia Legislativa da Paraíba, que o Governo invista em ações permanentes n combate aos efeitos provocados pela seca na região nordeste.

O parlamentar sugeriu a criação de um fórum de debate, coordenado pela bancada federal paraibana no Congresso para que apele à presidente Dilma tratamento igualitário para as regiões sul, sudeste e Nordeste.

“Sempre quando ocorre uma seca vêm àquelas ações paliativas, a exemplo da construção de barreiros. Precisamos criar um fundo permanente para o desenvolvimento do semiárido nordestino para a prevenção e combate aos efeitos provocados pela seca em nossa região, a exemplo de investimentos”, destaca o parlamentar.

Na opinião de Janduhy Carneiro o que falta é um planejamento para que se possa conviver com a seca, uma vez que se trata de um fenômeno cíclico. “Temos que nos preparar em caráter permanente para enfrentar a seca. Temos que ter açudes de médio e longo porte construídos em nosso estado. Para isto é necessário que tenha uma estrutura necessária para que o DNOCS (Departamento Nacional de Obras Contra as Secas) volte a realizar o trabalho de construções de açudes, a exemplo dos que existem na Paraíba como Engenheiros Ávidos, Açude de São Gonçalo, Complexo Coremas/Mães D´água”, lembra o deputado.

Janduhy Carneiro cobrou da bancada federal uma ação junto ao Governo Federal para que haja a liberação de recursos para o Nordeste e para que a região seja tradada da mesma forma como são tratadas as regiões do sul e sudeste. “É necessário que o governo trate a região Nordeste da mesma forma como vem tratando os estados de Minas gerais e São Paulo no que se refere à questão da seca” cobrou o parlamentar.

Finalizando, Janduhy lembrou que desde a época do SOS Seca que não vê recursos federais destinados ao combate da estiagem em nossa região. “É necessário a presença dos nossos parlamentares junto ao governo Dilma para resolvermos a questão. O povo nordestino sofre todos os anos por causa da estiagem e se faz necessário que haja um trabalho conjunto visando ações permanentes no combate à seca”, concluiu.

Print Friendly, PDF & Email


Veja online a situação da Pandemia

^ Ir Para Topo ^