Arquidiocese realiza programação para centenário de Dom Manuel

dom_manuel408A Arquidiocese da Paraíba e o Centro Cultural São Francisco prepararam uma programação especial para comemorar o centenário de nascimento de Dom Manuel Pereira da Costa.

Biografia:

Dom Manuel nasceu no dia 12 de setembro de 1915 na cidade de Pocinhos (PB). Ele foi ordenado padre no dia 23 de março de 1948 em Roma, Itália. Foi sagrado bispo no dia 15 de agosto de 1954. Foi Bispo Auxiliar da Paraíba de 1954 a 1959. Foi Bispo de Nazaré da Mata (PE) de 1959 a 1962. Bispo de Campina Grande (PB) de 1962 a 1981.

Dom Manuel morreu em João Pessoa no dia 28 de julho de 2006. Em 2009, seus despojos foram transladados para a Catedral de Nossa Senhora da Conceição, em Campina Grande, cuja Cátedra ele ocupou por 20 anos. Seu lema era: “Ignem amorem accende” (Acendei o fogo do amor).

Programação:

Sexta-feira, dia 14 de agosto, às 9h, o Arcebispo Metropolitano da Paraíba, Dom Aldo di Cillo Pagotto, vai presidir a Celebração Eucarística na Nave Central da igreja do Centro Cultural São Francisco. Participa a cantora lírica Ana Gouveia.

Em seguida vai ser aberta a exposição comemorativa com painéis fotográficos e textuais e com objetos pessoais e litúrgicos (mitra, batina, capa, entre outros) de Dom Manuel).
Curiosidade: a exposição tem uma foto de Dom Manuel com João Paulo I – um dos poucos bispos a tirar foto com esse Papa.

A exposição fica no “Corredor das Almas”, no Centro Cultural São Francisco, e tem como curador: José Augusto de Moraes.

Na ocasião também haverá a solenidade de oficialização do Arquivo Eclesiástico da Arquidiocese da Paraíba e o lançamento do selo comemorativo do centenário de Dom Manuel.

“A vida de Dom Manuel Pereira da Costa, perpassada de amor pela Igreja, voltou-se, sobretudo, à formação de futuros padres e das lideranças cristãs leigas, em vista do compromisso evangelizador e pastoral”, explica Dom Aldo, que completa “Conservando sempre o espírito empreendedor, por amor às vocações sacerdotais, idealizou e angariou fundos para a construção de um prédio apropriado para abrigar o conjunto habitacional e formativo do Seminário Arquidiocesano da Paraíba Imaculada Conceição, situado no Castelo Branco, na Capital. Até hoje nosso Seminário acolhe um bom número de futuros padres”.

“Por feliz disposição da Providência, o centenário natalício de Dom Manuel coincide com a celebração dos 50 anos do encerramento do Concílio Vaticano II, do qual o nosso homenageado participou na qualidade de ‘padre conciliar’ nas suas quatro sessões. Terminado o Concílio, Dom Pereira lançou-se à implementação das diretrizes conciliares na sua Diocese”, explica o Diretor do Centro Cultural São Francisco, Côn. Mons. Ednaldo Araújo dos Santos.
ascom

Print Friendly, PDF & Email


Veja online a situação da Pandemia

^ Ir Para Topo ^