Manchete

PF e CGU apuram crimes licitatórios e de corrupção

Corumbá/MS. A Polícia Federal, em ação conjunta com a Controladoria Geral da União, deflagrou, nesta quarta-feira (3/7), a Operação João Romão destinada a combater crimes licitatórios e de corrupção que estariam sendo praticados no âmbito da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos da Prefeitura Municipal de Corumbá. Policiais federais cumpriram 14 mandados de busca e apreensão nas cidades de Corumbá e Campo Grande, todos expedidos pela Justiça Federal.

A investigação, que se iniciou em 2021, mostrou que o atual secretário municipal teria criado uma empresa que acabou vencendo diversos procedimentos licitatórios da pasta sob sua reponsabilidade, sendo responsável por obras cujos valores ultrapassam R$ 12 milhões. Ainda durante as investigações foi possível colher indícios de irregularidades que teriam permitido a empresa suspeita ter capacidade financeira e técnica para participar dos certames licitatórios que venceu.

Foram alvos da operação um servidor público, servidores comissionados e efetivos envolvidos nas autorizações e fiscalizações das obras executadas, além de pessoas responsáveis pelas empresas.

Caso saiba de informações sobre este ou outros casos de competência da PF entre em contato através do canal de denúncias anônimas: vias e-mail: uip.cra.ms@pf.gov.br e telefone: 67 99137 6782.

Comunicação Social da Polícia Federal em Corumbá/MS

Print Friendly, PDF & Email

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios