HOME_______________________________________________

Câmara cria o “Poder Legislativo da Melhor Idade”

A Câmara Municipal de Campina Grande aprovou por unanimidade neste dia 29, o projeto de resolução de autoria do vereador-presidente Nelson Gomes Filho, que institui o “Poder Legislativo da Melhor Idade”.
 
Nelson Gomes destacou que a participação no Projeto “Melhor Idade” proporcionará aos idosos uma melhor compreensão da importância do Poder Legislativo e do desempenho dos Vereadores, contribuindo para o aperfeiçoamento e maior conscientização enquanto cidadãos atuantes e comprometidos com o município onde vivem.
 
O exercício do mandato terá caráter instrutivo e gratuito e ocorrerá todos os anos, em data acordada pela Mesa Diretora da Câmara, observada a rotina de trabalhos da Câmara Municipal. O “Poder Legislativo da Melhor Idade” será constituído, exclusivamente, por idosos de nosso município, com idade mínima de 60 anos de idade.
 
Observar-se-ão, no decorrer dos trabalhos do “Poder Legislativo da Melhor Idade”, tanto quanto possível, os procedimentos regimentais ao trâmite das proposituras, inclusive quanto à sua iniciativa, discussão e votação em Plenário, expedição de autógrafo, onde estará consignado o nome do autor do “projeto de lei”. A Mesa Diretora da Câmara diligenciará no sentido de que as sessões plenárias do “Poder Legislativo da Melhor Idade” transcorram no Plenário da Câmara de Vereadores e sejam acompanhadas por assessoramento compatível com a evolução dos trabalhos.
 
O “Poder Legislativo da Melhor Idade” será composto em número igual à quantidade de Vereadores que compõem a Câmara Municipal. Ao tomarem posse, os vereadores do “Poder Legislativo da Melhor Idade” prestarão o seguinte compromisso: “Prometo desempenhar fielmente o meu mandato, promovendo o bem geral do município dentro das normas constitucionais”. Os trabalhos do “Poder Legislativo da Melhor Idade”  serão dirigidos por uma Mesa Executiva, eleita pelos idosos, composta por Presidente, Vice-Presidente, 1º e 2º Secretários.
 
A legislatura terá a duração de um dia, verificando-se o seu início com a diplomação, seguida da posse dos vereadores e findando-se com a redação de Autógrafos dos projetos aprovados na Ordem do Dia e publicação em Edital.
 
A Mesa Diretora da Câmara, mediante Ato, normatizará a consecução do “Poder Legislativo da Melhor Idade”, especialmente quanto: I – cronograma das atividades de organização; II – as orientações relativas aos procedimentos de inscrição e participação dos interessados; III – a eleição dos Idosos parlamentares no âmbito municipal; IV – as normas para a eleição da Mesa Executiva; V – a realização dos trabalhos da sessão plenária.
 
O presidente da Câmara Municipal nomeará uma Comissão Executiva, composta por Vereadores, encarregada de implementar todos os procedimentos necessários para a realização da sessão do “Poder Legislativo da Melhor Idade”, na forma estabelecida. As demais atividades que venham a compor o “Poder Legislativo da Melhor Idade”, orientar-se-ão para o conhecimento dos procedimentos legislativos, dos Partidos com representação na Câmara de Vereadores, suas proposituras políticas e das funções dos líderes partidários.
 
O vereador do “Poder Legislativo da Melhor Idade”, no exercício do seu mandato, poderá contar com a ajuda de Assessor Parlamentar, de livre nomeação. As ações compreenderão atividades de caráter informativo, relativas ao exercício da cidadania e elucidativas do funcionamento do Poder Legislativo. A Mesa Diretora da Câmara Municipal, visando ao bom andamento dos trabalhos do “Poder Legislativo da Melhor Idade”, poderá firmar convênios ou parcerias com órgãos públicos ou entidades privadas.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Veja online a situação da Pandemia

^ Ir Para Topo ^