Veja o balanço da greve dos servidores da Previdência

COMUNICADO

Sobre a paralisação dos seus servidores, o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), informa:

1) O INSS entende que os serviços previdenciários são essenciais e que a interrupção do atendimento nas suas unidades acarreta prejuízos a toda a população. Assim, no intuito de minimizar os impactos negativos da paralisação de seus servidores, o Instituto, por meio da Advocacia-Geral da União (AGU) ajuizou, na data de hoje (5), ação solicitando ao Poder Judiciário a determinação que garanta o atendimento em todas as suas unidades.

2) Além disso, o Instituto tem empreendido todos os esforços no sentido de orientar as unidades e a Central de Teleatendimento 135 no que se refere às providências de reagendamento para os segurados que não estão sendo atendidos devido à greve. Esse reagendamento, de modo geral, pode ser realizado pelo telefone. Em alguns casos específicos, entretanto, a remarcação vai depender da ação da Agência da Previdência Social. Esses segurados, cuja remarcação não puder ser realizada pela Central 135, deverão retornar às unidades assim que o atendimento estiver normalizado, para providenciar o reagendamento.

3) Importante salientar que o INSS considerará a data originalmente agendada como a data de entrada do requerimento, para se evitar qualquer prejuízo financeiro nos benefícios dos segurados.

4) A Central de Atendimento 135 está à disposição para informar a situação do atendimento nas Agências e para orientar os cidadãos. A informação sobre o funcionamento das unidades é atualizada diariamente junto aos operadores.

5) O Ministério da Previdência Social e o INSS têm baseado sua relação com os servidores no respeito, no diálogo e na compreensão da importância do papel da categoria no reconhecimento dos direitos da clientela previdenciária e, por isso, mantém as portas abertas às suas entidades representativas para a construção de uma solução que contemple os interesses de todos.

– Ministério da Previdência Social

Print Friendly, PDF & Email


Veja online a situação da Pandemia

^ Ir Para Topo ^